logo insp copy

ptenfr

Dia Mundial da Tuberculose é assinalado este domingo 24 de março

O Dia Mundial da Tuberculose, que se assinala no próximo domingo 24 de março, este ano homenageia a data em que a doença foi descoberta há 137 anos, chamando a atenção para as consequências devastadoras para a saúde, sociais e econômicas que ela continua a impor às pessoas, famílias e economias em todo o mundo. 

ConferenceLOGO 0

 

O tema deste ano enfatiza o suficiente: “It's Time”, “chegou a hora”Dos 30 países em todo o mundo com o maior fardo de tuberculose (TB), 24 estão na Região Africana da OMS. Em 2017, quase 2,5 milhões de pessoas que contraíram a tuberculose viviam na África subsaariana, e 665.000 delas morreram da doença. Neste dia, pensa-se naqueles que morreram e se orienta por esforços enriquecedores para impedir que mais pessoas morram ou se infectem.

Na sua mensagem de observância para este dia, o Dr. Matshidiso Moeti, Director Regional da OMS para a Região Africana, reafirmou “o empenho do seu gabinete e de toda a sua equipa técnica em toda a região em trabalhar com governos, outros parceiros e comunidades para apoiar ações para acabar com a epidemia de TB até 2030, se não antes. É hora de acabar com esse sofrimento e trazer esperança para os pacientes com tuberculose e suas famílias.

 

A tuberculose

A tuberculose é uma doença grave, causada pelo bacilo de Koch, transmitida por meio das gotas da secreção respiratória, que se propagam pelo ar. A doença pode atingir todos os órgãos, em especial os pulmões. Além de tosse por um período prolongado (três a quatro semanas), outros sintomas associados à tuberculose são: febre, suor noturno, falta de apetite, emagrecimento, cansaço fácil, dor no peito e escarro, que pode ser acompanhado de sangue.

A tuberculose é uma doença de transmissão aérea e ocorre a partir da inalação de aerossóis oriundos das vias aéreas, durante a fala, espirro ou tosse das pessoas com tuberculose ativa (pulmonar ou laríngea), que lançam no ar partículas em forma de aerossóis que contêm bacilos.

Lançado em 1982, pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pela União Internacional Contra Tuberculose e Doenças Pulmonares, o Dia Mundial da Tuberculose teve essa data escolhida em homenagem aos 100 anos do anúncio do descobrimento do bacilo causador da tuberculose, ocorrido em 24 de março de 1882, pelo médico Robert Koch.

O tratamento da tuberculose dura no mínimo seis meses, é gratuito, e deve ser realizado, preferencialmente em regime de Tratamento Diretamente Observado (TDO). Com o início do tratamento, a transmissão tende a diminuir gradativamente.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) os países precisam dinamizar as ações para prevenir, detetar e tratar a tuberculose com o objetivo de cumprir as metas globais.

OMS publicou novas orientações para melhorar o tratamento da tuberculose multirresistente (MDR-TB), recomendando a mudança para regimes totalmente orais. Medicamentos injetáveis não são mais considerados prioridade no desenho de regimes de tratamento contra esse tipo de tuberculose.

Segundo a OMS, a nova abordagem é mais eficaz e tem menor probabilidade de provocar efeitos colaterais adversos. O organismo internacional recomenda o acompanhamento dos cuidados, monitorando ativamente a segurança dos medicamentos e garantindo apoio e aconselhamento para ajudar os pacientes a concluírem o tratamento.

As recomendações, divulgadas às vésperas do Dia Mundial da Tuberculose (24 de março), fazem parte de um pacote mais abrangente de ações destinadas a ajudar os países a acelerar o ritmo de progresso para pôr fim à tuberculose.

Dados da doença

De acordo com o Relatório estatístico do Ministério da Saúde e da Segurança Social de 2016, o país tem registado uma diminuição da prevalência e incidência ao longo dos últimos anos.

dados