logo insp copy

ptenfr

Conselho Consultivo do INSP reúne para apreciar as linhas gerais do relatório de atividades de 2020 e o plano de ação 2021

Em um ano atípico, condicionada pela pandemia da covid-19, em que o Instituto Nacional de Saúde Pública, teve que se adaptar para fazer face na resposta nacional à pandemia, a Presidente do INSP, Maria da Luz Lima, reuniu com o Conselho Consultivo do INSP, a 21 de dezembro de 2020, numa reunião ordinária para apreciar o relatório de atividades do INSP de 2020 e refletir sobre as linhas gerais para o plano de ação 2020.

IMG 8132 copyPara Maria da Luz Lima, o balanço é positivo, pois o INSP adaptou o seu plano de atividades ao contexto da pandemia e boa parte daquilo que foi programa do foi implementado, com o pormenor de ter sido em outros formatos, devido as restrições de circulação, de recursos humanos entre outros.

A Presidente do INSP, Maria da Luz Lima, apresentou também o papel que o INSP tem desempenhado na resposta a pandemia da covid-19, nomeadamente na resposta de diagnostico laboratorial, na comunicação de risco, vigilância e na investigação e realização de vários estudos que permitiram compreender melhor a dinâmica da epidemia em cabo verde, nomeadamente o i estudo CAP sobre a covid-19 e o Estudo de Sero prevalência sobre a covid-19.  

Da parte do Conselho Cientifico, é satisfatório o trabalho desenvolvido pelo INSP.

Esta reunião serviu também para discutir os desafios que impõe à instituição a curto, médio e longo prazo.

De recordar que este órgão é composto por sete (7) membros, que tomaram posse em março de 2018.

Conforme as disposições estatutárias, os membros do Conselho Consultivo foram escolhidos como representantes dos principais departamentos governamentais com áreas de atuação conexas com a Saúde e de outras entidades públicas e privadas, da comunidade científica e de setores sociais, com intervenção na saúde pública.

O Conselho Consultivo é o Órgão de consulta do Presidente do INSP, em matéria técnica e de coordenação multissectorial das atividades e dos interesses legítimos, públicos e privados, que se manifestam e se interpenetram no âmbito da saúde pública.

Compete ao Conselho Consultivo acompanhar as atividades do INSP, aconselhando o seu Presidente na conceção e execução de ações relativas às suas atribuições, e nomeadamente, dar pareceres sobre quaisquer assuntos de carácter técnico, relativos à saúde pública, que lhe sejam submetidos pelo Presidente, dar pareceres sobre o plano de atividades do INSP, pronunciar-se sobre o relatório de atividades do INSP, propor o que achar conveniente para a boa prossecução dos objetivos do INSP, nomeadamente no que se refere ás atividades multissectoriais e exercer as demais competências atribuídas, por lei ou pelo Regulamento Interno, ao INSP.