logo insp copy

ptenfr

O INSP vai realizar o estudo sobre impacto da Covid19 na saúde mental da população neste mês de maio

Mais uma vez o Instituto Nacional de Saúde Pública vai para o terreno, realizar um novo estudo ligado a pandemia da covid-19. Desta vez o estudo é sobre o Impacto da COVID-19 na Saúde Mental da população Cabo-verdiana, cujo objetivo é analisar e conhecer o impacto psicológico e social da pandemia e das medidas restritivas na população.

Será um estudo nacional (em todas as ilhas), com a duração de uma semana, a decorrer na última semana de maio, que vai levar ao terreno cerca de 72 inquiridores, essencialmente profissionais de saúde, nomeadamente psicólogos, enfermeiros e assistentes socias.

Os inquiridores e supervisores de todas as ilhas iniciaram a formação de preparação para o terreno, hoje 20 de maio e vai decorrer durante dois dias, via plataforma zoom e presencias para os inquiridores da Praia.

Para a Presidente do INSP, Maria da Luz Lima, que falava durante a abertura da formação, “a realização este estudo trata-se de um sonho que se torna realidade”, porque segundo avançou desde a saída do estado de emergência que se sentiu a necessidade desta operação investigativa, para se conhecer os impactos da pandemia e das medidas restritivas no seio dos profissionais de saúde e da população em geral.

FMaria da Luz Lima disse que neste momento vai se avançar com o estudo na população no sentido de se ter um conhecimento melhor e baseado em evidências e poder definir intervenções mais assertivas ao nível da saúde mental da população.

A formação que decore entre hoje e amanhã está a ser ministrada pelos investigadores e equipa técnica do Projeto nomeadamente Dra. Jaclin Freire, Psicóloga e Assessora do Ministro da Saúde e da Segurança Social que é a investigadora Principal do projeto, Doutora Edna Lopes Duarte Psicóloga Clínica e Investigadora e Coordenadora da parte do INSP e o Dr. Júlio Rodrigues, Investigador. Amostra do estudo é constituída de 3520 indivíduos a partir dos 18 anos.

O referido estudo esta a ser realizado pelo INSP e O Ministério da Saúde e da Segurança Social, com a parceria da Organização Mundial da Saúde em CV.

 

 

 

desdobravel novo page 0001