INSP capacita profissionais de saúde na ação de resistência aos antimicrobianos numa abordagem One Health em São Vicente

O INSP em parceria com o escritório local da OMS, realizou um curso de capacitação sobre a resistência aos antimicrobianos com foco na abordagem One Health dirigido a profissionais do Ministério da Saúde e do Ministério do Ambiente e da Agricultura, num dos hotéis na Cidade do Mindelo
A resistência antimicrobiana é um dos maiores desafios de saúde pública da atualidade, dado que, os antimicrobianos são utilizados para tratar infeções tanto para humanos como para animais.
Com base nos compromissos nacionais e internacionais e nos desafios de saúde pública que Cabo Verde enfrenta, foi elaborado o Plano de Ação Nacional de Luta Contra a Resistência Antimicrobiana 2018-2022 para orientar a atuação das diferentes entidades no âmbito da abordagem One Health, frente a este problema de saúde pública. Este plano tem como um dos objetivos estratégicos “Melhorar o conhecimento sobre RAM e tópicos relacionados”, tornando assim relevante a oferta de cursos de capacitação sobre o tema, a fim de contribuir para a formação permanente dos profissionais da área da saúde humana, animal e do meio ambiente sobre a RAM.
Além disso, em março de 2023, Cabo Verde aderiu ao Sistema Global de Vigilância da RAM e do Uso de antimicrobianos da OMS (GLASS) e, nesse sentido, o país deverá também estabelecer/fortalecer os sistemas nacionais de monitorização da RAM, gerar, recolher, reportar e utilizar dados de qualidade para informar as decisões a nível nacional, regional e global.
Durante a capacitação foi abordado três vertentes: 1) Vigilância epidemiológica da RAM; 2) Diagnóstico laboratorial de antimicrobianos e testes de sensibilidade; e 3) Prevenção e controle da resistência antimicrobiana.

Outras Relacionados

IMG_6343
01
448773442_881161990714785_3598511586572814483_n - Copy
IMG_6251